Kid, o Cervejeiro !!!

7 05 2015

Olá pessoas! Sim, tô vivo e voltando a dar o ar da graça.

Olhem só o que ando fazendo agora… CERVEJA meu povo !!!

Reilla, minha amada esposa, também conhecida como Chuchu, me presenteou com um Kit Cervejeiro !!

Olhem o treco aí…

Típico brinquedinho de gente pinguça que nem eu… hehehe. Ao longo da minha curva de aprendizado eu vou postando aqui as aventuras e desventuras da fina e não tão delicada arte de se fazer cerveja em casa. Como tudo que futrico, recheado de muita improvisação e experimentação. Não pretendo focar muito na TECNOCHATICE de nomes e métodos não, até porque eu não tenho intenção de me tornar Mestre Cervejeiro nem nada parecido mas estou aos poucos aprendendo o mínimo necessário pra fazer cerveja de qualidade. ( mentira, a minha cerveja é a melhor que já provei disparado!! )

Vamos trocando figurinhas, eu dou as minhas poucas dicas e espero receber outras também, afinal nessa área de Cerveja Artesanal tem que se ter muito Troca-Troca… OPS !!!

Eu eu meu Chu já fizemos uma Pale Ale ( nossa preferida ), uma Stout, uma Weiss ( ficou o bicho de boa ), perdemos uma Lager de maneira vexatória ( excesso de confiança ) e estamos agora com uma Porter terminando de maturar e uma Dunkel pronta pra degustação.

Nos próximos Posts eu mostro o Kit completo, o que já adquiri desde então e darei dicas inclusive de como criar uma boa relação com a patroa e a fabricação de Cerva Artesanal… ( oração e meditação ajudam também… hehehe )

É como já ví dizerem: ” se você nunca tomou uma cerveja artesanal, então nunca tomou cerveja de verdade! “… realmente é um prazer indescritível produzir a própria cerveja e ter a possibilidade de experimentar tantos sabores novos. Muito bom !!! Saúde pessoas !!!





Macro com o Lumia 720

15 10 2013

null

Olá pessoas. Tô postando meus testes de Macro com o Lumia 720 e uma lente que comprei na Dealextreme para ser usada em celulares.
Consiste em uma pequetita lentezinha que vem montada em 2 partes, Wide e Macro e alguns anéis de metal que servem para se fixar a lente no celular.

null

O preço da porqueira é ridículo de barato e como tudo comprado na Dealextreme, pode demorar até uns 40 dias pra chegar.
Acompanha também uma espécie de chaveirinho magnético pra transportar a lente mas confesso que não acho uma idéia sensata não.
A lente apesar de ser de corpo metálico, é muito leve e fácil de levar um peteleco e cair do bendito chaveiro. Eu levo a minha lente na caixinha de plástico mesmo que fica dentro da minha bolsa de fotografia. Se precisar cabe no bolso de boa. Até vem a capinha da lente.

null

Esses anéis de metal vem com um adesivo pra se fixar no celular, ao redor da lente da câmera, mas não cola nem por reza brava. É um adesivo tão mixuruca que o risco da lente cair depois é bem grande. A solução pra mim foi tacar super cola e colar direto na capinha do celular. Eu havia comprado na Dealextreme um jogo de capinhas para o Lumia e resolvi usar 2 delas como cobaias pras minhas experiências.

null

Reparem que esse anel vem até com um recorte pro flash da câmera. Mas esqueçam do Flash. Com ele ligado a foto sai muito estourada e com a sombra da lente projetada sobre o tema. Criar um difusor pra isso seria muito complicado até pelas dimensões microscópicas da lente… não acho que compense o esforço.

null

Antes mesmo de comprar essa lente, eu tinha guardada uma outra que fazia parte de um conjunto maior e resolvi também colocar a danada na roda.
Colei ela também com super cola em outra capinha.

null

Com o anel metálico instalado é só encostar a lente nele que o imã que fica no fundo faz o trabalho.
No entanto essa configuração é para o formato Grande Angular.

null

Para o formato Macro, basta desenroscar a parte de cima da lente e fica essa coisinha aí pregada na capinha. Essa é a configuração Macro.

null
null

Já a outra lente apesar de maior, oferece uma ampliação menor e fica assim colocada no celular.

null

E como ficam os resultados? Vejamos os testes.
Primeiro a opção de Macro do próprio celular. Lembrando que antes é necessário mudar a opção de foto para Close Up.

null

null

A iluminação vem da proximidade de uma janela com a persiana abaixada.
Agora a mesma cena com a lente antiga presa na capinha roxa.

null

Já dá um resultado melhor de ampliação.
E por fim com a lente que comprei na Dealextreme.

null

Aumenta bem mesmo… mas claro que a proximidade maior do celular com o tema, faz com que a sombra dele acabe atrapalhando.
A profundidade de campo como em qualquer Macro mais expressiva também fica menor e pela própria qualidade dessas lentes torna-se perceptível uma boa quantidade de aberrações e distorções.
Editando as fotos é possível melhorar a composição e até descartar o que não interessa. Acho que o resultado é promissor para testes ao ar livre. Veremos em breve.

null

null

Já o teste com a lente em modo Wide ficou uma bela porcaria. A primeira coisa que acontece é que a vinheta da lente aparece muito e a qualidade da foto também cai bastante.
Se optarmos por um Crop posterior de nada resolve pois ela praticamente acaba na mesma proporção da câmera sem a lente Wide mas com as bordas todas distorcidas.

null
null

Resumo da ópera: Acho que pelo preço ridículo dessa lente Macro, compensa a aquisição sim. Mas nada de esperar utilizar o modo Wide pois compensa mais dar 3 passos pra trás do que ter a foto com essa vinheta horrível. A Macro amplia legal mas para meu tipo de fotografia acho que é capaz de acabar usando mais a lente antiga da capinha roxa. Ela vai me permitir uma qualidade maior, com mais profundidade de campo e com chance de pós produção melhor.





I´m Back uma pinóia…

2 08 2013

Fazer o quê né? Fico falando que tô voltando mas depois me enrolo todo e não volto é nada.

Então melhor deixar as coisas acontecerem naturalmente e quem sabe possa começar aos poucos a publicar no Blog.

Por hora deixo esse painel que fiz “guriquinha” com as típicas fotos: “não tô fazendo nada então vou fotografar e sapecar uma edição no Lightroom bem pesada e colocar no Flickr…”

Beijim Beijim e Tchau Tchau…





I´m Back !!

2 02 2013

Depois de um longo e tenebroso inverno, eis que volto a publicar no meu BLOG.

Estou aos poucos desenferrujando o equipamento (e o fotógrafo também) e em breve volto a compartilhar minhas experiências com o pessoal.

Enquanto isso no meu Flickr eu já coloquei algumas fotinhas pra ir tirando a poeira do equipamento.

Essa sequência por exemplo foi feita com a minha lente Sigma 200mm com uma adaptação para Macro. Aquela da ponta de teleobjetiva que eu adaptei faz muito tempo atrás.

A iluminação foi de um Flash Yongnuo 460II Manual.

São grãos de açucar cristal colocados sobre um CD.





Direito de resposta solicitato pelo senhor Celso Rogerio Pecuraro.

5 11 2011

Prezado EUCLIDES NERI DE OLIVEIRA NETO, autor deste blog que se entitula como “Kid Neri”.

Em seu post existe injúria e difamação contra a entidade DigiForum. Como entidade legalizada e documentada, não aceitamos estas declarações postadas de maneira leviana.

Ao usar de imagem de adolf hitler e compará-lo ao DigiForum o senhor comete um excesso cujas consequências são graves. Além disso, usa de palavras como “covardes” para descrever o site DigiForum e usa de nossa logomarca indevidamente e sem autorização, fazendo ligação entre o mal causado pelo nazismo à entidade DigiForum.

Em nenhum momento o senhor procurou o DigiForum para qualquer dúvida, pelo contrário, mesmo sabendo como tratar de sua questão preferiu se pronunciar publicamente com difamação. Se houve alguma dúvida sobre os motivos para seu desligamento da comunidade, deveria ter contatado a administração do DigiForum, tal qual está explicado nesta imagem que você postou. Até mesmo pelo fato de que o senhor se diz amigo de alguns moderadores do site, seria a atitude mais correta também procurá-los.

O DigiForum é um site onde mais de 40.000 pessoas se cadastraram e se relacionam de acordo com regras que são aceitas no ato do registro. Aos administradores do site é concedido o direito de cancelar a inscrição a qualquer tempo de qualquer usuário que cause transtornos à instituição e nestes casos, em nenhum momento quando procurados, negamos qualquer tipo de informação sobre o uso da comunidade a qualquer usuário. Porém o senhor ao invés de procurar esclarecimentos como lhe foi indicado ao tentar logar-se, resolveu fazer um post público que não mostra apenas sua insatisfação mas cria uma imagem de que o DigiForum é uma entidade ligada a hitler e que tem administradores covardes enquanto o senhor se apresenta como pessoa correta e decente.

Sr. EUCLIDES, Covardes são aqueles que se escondem atrás de apelidos na Internet e que atacam outras entidades de maneira encoberta e sem documentação. Seria o caso do seu post? Isso nos daria o direito de publicar no DigiForum difamações e injúrias sobre sua pessoa? Claro que não e nós entendemos que este tipo de ação é desrespeitosa, anti-ética e discriminatória.

Como o senhor mesmo diz: covardia é atacar sabendo que o adversário não poderá defender-se. O senhor não foi atacado mas sim o DigiForum. Repudiamos este comportamento e as leviandades aqui postadas.

Nossos advogados estão em contato com a empresa que provê os serviços do WordPress, local que você usou para postar informações injuriosas e difamatórias sobre nosso site. Desta forma, fazemos aqui uma solicitação formal ao senhor para que retire este post imediatamente. Solicitamos ser atendidos desta forma para evitarmos um confronto judicial que o levará a exposição pública, porém na falta de atendimento entraremos com ação judicial por injúria, calúnia, difamação e perdas e danos pelos prejuízos causados por este post pelo período de 1 (um) ano. Estas ações serão erguidas em São Paulo e Brasilia.

Assim como não mediremos esforços contra toda e qualquer pessoa que haja da mesma forma como o senhor agiu postando aqui em formato de comentários.

Para clareza de todos, a Internet não é um mundo sem leis e as leis brasileiras amparam e protegem aos prejudicados da mesma forma. O WordPress é um site correto e ético, cujas ferramentas gravam IPs e acessos dos usuários e isto será solicitado.

Declaramos que cópias desta página estão arquivadas por testemunhas que visitaram este blog na época de sua publicação e à época desta resposta.

OBS: Este é um direito de resposta garantido pelo WordPress.com. A exclusão desta resposta será entendida como confrontamento levando a ações judiciais.

Atenciosamente,

DigiForum.com.br





Obrigado… muito obrigado.

6 05 2011

Oi pessoas…
Olha eu tomando coragem pra voltar a postar. Afinal a vida é assim não é mesmo?
Como diria o poeta Lenine: ” A vida não para”
Queria agradecer as palavras de carinho. Se vocês não existissem teriam de ser inventados com certeza. O mundo fica melhor assim afinal de contas.
Não vou enganar ninguém… tenho chorado muito ainda e com a aproximação do dia das mães… nem preciso dizer né?

Mas ao menos tenho regado meus momentos de tristeza com os ensinamentos básicos que minha mãe me deu: boa música e uma cervejinha pra acompanhar.
Para aqueles que querem dividir comigo o pouco conhecimento que eu tenho da fotografia eu digo que não se preocupem. Prometo voltar logo a colaborar com os amigos. É verdade que a minha inseparável XTi está mais pra “abandonada” XTi. Mas nada que um esforço básico não mude.

Peço desculpa se nem respondi alguma dúvida recente mas logo estarei de volta ao “ofício”… hehehe.
Até fica aqui um pedido: se quiserem que meu próximo Post seja sobre algo específico basta me escreverem sugerindo. Se eu souber eu respondo. Se não souber eu vou indicar alguém que saiba.

Beijo pra todos (sim eu sou muito beijoqueiro) e novamente meu muito obrigado pela força. Fiquem com Deus.





Até mais ver minha mãe!!! Te amo!!!

5 04 2011

O que nos faz únicos?
Sob os olhos da ciência só o fato de povoarmos um planeta localizado no local certo, na distância correta de seu sol e sermos os sobreviventes de tantos eventos que nos pouparam para a evolução, já se constitui em motivo suficiente para explicar nossa condição única e diferenciada.

Mas somos muito mais do que isso. Somos capazes de enfrentar longos nove meses, nos fortalecendo e captando tudo ao nosso redor para começarmos uma jornada incerta e cheia de desafios. Respiramos o primeiro ar quente de nossas vidas, choramos incomodados e assustados: sons, luzes, toques, dor, frio.
Então somos colocados juntos daquela que nos abrigou durante esse tempo. Quase que por milagre o choro finda. Por um breve momento toda a familiaridade do seu cheiro, do seu calor, do som da sua voz nos acalma. Tudo passa a ser tranquilo por um segundo.
Logo nossa jornada continua e passamos por mãos estranhas, locais desconhecidos e de tempo em tempo voltamos ao conforto dos braços de nossa já velha conhecida.

Assim vamos crescendo. Da mesma forma que no início, sempre estamos nos afastando dela por alguns breves momentos.
Novas sensações vão se somando ao seu já vasto repertório de delícias. O cheiro de comida no fogão, o banho quente cheio de espuma e brincadeiras, as promessas de cura com um beijinho, o chá quente pros dias de caminha e dodói, as estórias na hora de dormir, o conforto do colo ao lado da luz de velas quando a energia acaba…

Inevitavelmente a vida nos empurra para frente… acelerada e afobada como é, nos convence a crescer ainda mais. Então nos vemos cheios de novas responsabilidades. Corremos contra prazos, contra o tempo e quase sem perceber nos afastamos daqueles braços, daquele colo.
Alguns de nós irão buscar sua carametade e a família de uma hora para outra cresce. Paralelo ao milagre dos filhos surge o paraíso chamado “avó”.
Voltamos a vivenciar toda aquela maravilha de delícias que vivemos em nossas infâncias mas dessa vez somos expectadores.
Aquelas mãos familiares agora estão mais cansadas mas ainda são ágeis na confecção de agrados pros pequeninos. Pipoquinha açucarada, lanchinho da tarde, bolinho de chuva, esfirrinha aberta e uma ou outra novidade criada somente para os netos… que inveja.

Só que a vida é surpreendente e nem todas as surpresas são boas. Pensamos as vezes: para tanta bondade e afeto a vida só pode reservar o melhor.
Mas a doença chega. Silenciosa e furtiva se instala. Começa então um jogo de gato e rato mas nesse jogo o rato é muito esperto. Consegue as vezes se esconder e até pensamos que ele não irá mais aparecer mas ele volta. As vezes mais veloz e voraz… as vezes mais silencioso. Os anos passam e a luta começa a mostrar os seus danos. As mãos enfraquecidas já não preparam os quitutes mas se prestam perfeitamente ao carinho, ao afago. Aquela que nos dava colo é quem agora precisa de um. A ela são retribuídos o chá, a sopinha, uma colcha quente, um carinho e tudo aquilo que se pode fazer para confortá-la.

E ela fortalece. Mais uma vez achamos que o tal rato está enfraquecendo. Podemos então passar um Natal maravilhoso. Todos reunidos e com direito a falta de energia, luz de velas, família reunida, netos já crescidos, presentes, alegria e amor.
Mas lembram que a vida surpreende? Então um dia ela não passou bem e foi internada. Pensamos que seria apenas mais uma das tantas batalhas que ela já tinha superado. Afinal estamos falando de “Vovó Bebeti” como os netos ainda pequeninos aprenderam a pronunciar. E ela lutou esse último round como de costume. Sempre humorada, cativante e altiva.

Dia 4 de abril de 2011, as 6 da manhã a batalha enfim terminou.
“Vovó Bebeti” deve ter pensado que se realmente existe um céu e ele é tão bom assim então com certeza deveria ter um buteco vendendo uma cerva gelada e um monte de gente legal pra puxar uma conversa. Então ela resolver dar uma passada lá pra conferir. A festa lá deve estar montada a uma hora dessas. Ela já deve ter encontrado a minha Vó Deusa e a farra lá deve estar monstra. Hoje já deu um trovão e deve ser o pessoal lá de cima puxando as mesas pra abrir espaço pra dançar.

No meu coração a saudade já é quase insuportável.
O que nos torna únicos? Eu mesmo não faço a menor idéia mas a mãe da gente com certeza é única. Ela sempre é mais legal, mais bonita, mais carinhosa do que a mãe das outras pessoas. Mamãe Bernardete foi e sempre será a melhor mãe do mundo… palavra de filho.

Que Deus te abençoe minha mãe. Te amo muito e te tenho no meu coração todos os dias.
Até mais ver!!!