Estojo de Lente

27 06 2010

E lá vamos nós no maravilhoso mundo das adaptações tupiniquins. O que fazer se você compra mais uma lente e não tem onde guardar? Compra um estojo de lentes claro… mas caso você tenha algumas coisas guardadas em casa como um pedaço de EVA e uma espuma macia é possível improvisar um estojo que funciona muito bem.
A lente pra qual eu vou fazer o estojo é a minha Takumar 150mm com parasol.

Primeiro é juntar o material e as ferramentas como tesoura, estilete e cola de contato.

Depois é cortar a espuma na medida para envolver a lente com o parasol montado nela, passar cola de contato nas pontas e unir. Então é conferir o encaixe pra ver se a lente entra justa mas sem muito esforço.

Então corta-se a espuma EVA formando outro cilindro e encaixando dentro a espuma macia. O mesmo princípio serve pra se fazer a tampa mas sem necessidade de colocar a espuma grossa nas paredes, apenas no fundo para proteger a ponta da lente.

Encaixando tudo fica assim o estojo. Protege bem a lente e ainda tem a vantagem de ser impermeável.

Pode-se também colar uma faixa externa pra poder passar uma alça e facilitar o transporte.

E aí está… um estojo caseiro pra minha lente Takumar. É uma solução interessante mas é bom lembrar que estojos para lentes costumam ser bem acessíveis e muito mais bonitos. Apenas quis mostrar que caso tenha um material dando sopa o resto fica só por conta de sujar um pouco a casa e não deixar a lente desprotegida dando bobeira.

Outros materiais também dão resultados interessantes. Olhem só meu pequeno estojo feito de um pedaço de Tubo de PVC com os terminais colados e espuma para fazer a forração:

Anúncios

Ações

Information

5 responses

3 07 2010
Pedro

Kidneri, desculpe o incômodo e a pergunta fora de contexto, mas como você é mais experiente nesse assunto acho que a pergunta cabe.

Comprei um adaptador com confirmação de foco para lentes M42, mas quando coloco na minha Helios, o botão de fechar o diafragma não é pressionado, ou seja, a lente fica sempre aberta, independente da abertura que eu escolha.

Você tem alguma dica ou “gambiarra” para esse tipo de situação?

3 07 2010
kidneri

Olá Pedro… o que posso imaginar é que aquele pino que fica na parte traseira da lente pode estar travado. Já apertou ele pra ver se ele afunda e levanta? Outra possibilidade seria que o adaptador não está enroscando até o final e pressionando o pino. Só imagino essas possibilidades. Testa e me fala.

3 07 2010
Pedro

Kidneri, o pino funciona normalmente. O problema é que o adaptador não “cobre” a área que o pino está, ou seja, o pino realmente fica livre, sem nada pressionando-o.

Acho que terei que partir para uma coisa mais drástica como uma solda ou epóxi, não sei. Infelizmente não tenho muita habilidade para trabalhos manuais como você.

Tentei mostrar nessa foto o que ocorre:

Como pode ver, o pino fica livre, o adaptador não chega até aquela parte.
Você sugere alguma coisa?

3 07 2010
kidneri

Acho que um Durepox no anel adaptador no ponto de contato com o pino, formando um calço pra empurrar ele daria certo… pode ser uma solução sem estragar nada na lente…

8 07 2010
Wooky

Olha, sou fã das suas “gambiarras”, até pq dinheiro não dá em árvore… mas nesse caso, a espuma não vai soltar fiapinhos e acabar sujando a lente? creio que precisaria revestir (e bem) por dentro também para evitar isso, ou talvez usar outro tipo de espuma, como aquela que parece um isopor e se usa pra fazer bóia, embora seja um pouco mais dura. De qualquer jeito, parabéns pela idéia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: