Tirando a dúvida da galera.

20 07 2010

Fala galera!
Os amigos ficam em dúvida e eu corro pra ajudar a esclarecer.
Meu amigo Everton me perguntou qual configuração é mais interessante: 50mm invertida ou colocar a 50mm em frente da 18-105mm.
Como ele se referiu a “lente do Kit” eu fiquei em dúvida se seria a 18-55mm, por isso fiz logo um comparativo das 3 montagens.
Elas estariam nos reviews que estou fazendo de todos meus Setups mas não tem problema de adiantar um pouco as coisas.

Canon XTi + Super Takumar 55mm invertida

Invertendo a 55mm em frente da XTi o aumento é moderado. Ideal para fotografar insetos maiores e detalhes de flores.
É assim que fica o aumento conseguido:

Se houver a necessidade de uma ampliação maior, basta adicionarmos um tubo extensor na montagem. Eu usei apenas a seção do tubo de número 2 pois ao colocar o tubo inteiro, aparece uma espécie de brilho no centro da foto. Uma espécie de aberração cromática.
Assim fica a mesma montagem com a adição de parte do tubo extensor:


A ampliação já é bem melhor e um inseto de 1 centímetro de comprimento ocuparia uma boa parte do quadro.

Canon XTi + lente na posição de 105mm + Super Takumar 55mm invertida

Já nessa montagem a ampliação é bem mais expressiva. Como eu não tenho uma lente 18-105mm, peguei a minha Sigma 55-200mm e a coloquei na posição de 105mm e inverti a 55mm na frente dela.

Reparem que nessa montagem a medida de 1 centímetro ocupa quase o quadro inteiro. No entanto é possível perceber o aparecimento da vinheta da lente que é a borda da lente invertida que fica registrada na foto. Mas com um pequeno Crop ela vai embora sem problema.

Canon XTi + 18-55mm + Super Takumar 55mm invertida

Essa configuração usa a lente do Kit 18-55mm como base da montagem.

Novamente a vinheta aparece sutilmente e a ampliação fica no ponto intermediário. Nem tão aberta como na 55mm invertida e nem tão fechada como na 105mm + 55mm invertida. Dá pra enquadrar 2 centímetros ocupando boa parte da foto.

Então qual a melhor configuração?
Não há uma resposta clara quanto a isso por uma simples razão; dependerá do tamanho do tema a ser fotografado. Muitos fotógrafos gostam de megampliações e outros gostam de retratar os insetos em um contexto mais amplo, incluindo parte do seu habitat na foto.
Eu gosto do baixo custo e da versatilidade que uma 55mm com um tubo extensor proporciona. Se quiser uma foto mais aberta como uma flor por exemplo é só inverter a lente e fotografar. Se tiver a necessidade de aproximar mais um pouco é só adicionar o tubo extensor e podemos fotografar detalhes bem menores. Vale lembrar que no caso do modelo 55mm usado no teste a abertura é manual e por isso a imagem no visor fica mais escura quando fechamos a abertura para melhorar a profundidade de campo.

Anúncios

Ações

Information

9 responses

20 07 2010
André Silvestre

Muito legal Kid!
Como você adiquiriu esse tubo extensor e o inversor pra lente? Andei vendo alguns no mercado livre mas não sei se é a melhor opção.
Gostaria também de alguma dica de como ou com quem eu poderia comprar algumas lentes usadas para a nikon.
De vez em quando venho aqui te pertubar né? rs. Mas você foi uma inspiração quando comecei a me interessar fotografia e também para partir para as DSLR. Eu tava vendo um dia desse que ja faz mais de 1 ano que acompanho seu blog.. passa muito rápido!!
E a Saúde, como tá?
Obrigado!

20 07 2010
Luiz Daniel

Obrigado por compartilhar!

T+

21 07 2010
Éverton

Olá Kid.

Eu me referi a “lente do kit” pois a 18-105mm é a lente do kit da Nikon D90.

Muito obrigado pela resposta… como sempre bem completa, tirou minhas dúvidas.

29 07 2010
Luciano

Fala Kidneri, beleza???

Cara, já viu esse vídeo?

Abraço!

29 07 2010
kidneri

Lucci… só não ví como tá nos meus favoritos. Mas confesso que meu coração ficou aflito de ver o cara literalmente “limar” a lente… curúisssss!!

29 07 2010
Luciano

Huahuhauhauha Pior… limou grosseiramente!!!

Ai seu eu tivesse uma 18-55 sobrando!!!

Abrazzzzzzzz

24 12 2010
daniel

kidneri.. primeio, obrigado por compartilhar essas experiencias, sem duvida é um grande incentivo pra toda comunidade.
Recebi hj pelo correio um tubo desses de 3 aneis, e fiz testes rapidos com a 18-55 e com a 50 1.8, as duas em posição normal pq o inversor ainda não chegou.
Usando ambas previamente fechadas entre f/11 e f/16, e percebi umas especie de ‘flare’ no meio da imagem, quando usando os 3 aneis na 50mm.
Achei que fosse culpa do difusor tosco que eu usei (balão de sacola de plastico no youngnuo) mas lendo esse post vi que você também enfrentou esse problema.
Chegou a entender por que isso ocorre? ou alguma forma de evitar isso, e conseguir usar os 3 aneis com a 50mm?
Obrigado pela atenção!
ps: estou usando 500d + tubo+18-55 ef-s + 50 1.8 ef

27 12 2010
kidneri

Olá Daniel.
Realmente essa interferência no uso do tubo extensor completo é algo que eu não consegui desvendar.
Pode ser apenas uma refração causada pela distância da lente até o sensor mas precisaria fazer vários testes pra ter certeza da causa. O que eu consegui foi usar o anel número 2 como configuração máxima de tubo extensor sem causar essa mancha no centro da foto. Ficarei devendo uma resposta mais precisa.

27 12 2010
Éverton

2 fotos que fiz utilizando as “técnicas” aprendidas aqui 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: